WOI – Waves Off Inclusion

Resumo

Pessoas com TEA – Transtorno do Espectro Autista – estão limitadas em atividades de lazer, culturais e desportivas disponíveis para eles. Essa limitação é causada principalmente pela falta de adaptações e formação em TEA por parte das instituições, entidades e profissionais da área.

A falta de estratégias e recursos para atender pessoas neste tipo de atividades por parte dos órgãos reguladores faz com que a oferta se limite, na maioria dos casos, a entidades específicas para deficientes. Por este motivo, a capacidade de escolha quanto ao tipo de atividade, custo, localização, horário e periodicidade é muito limitada, o que por vezes leva à não realização de algumas destas atividades. Por isso, as entidades específicas de deficiência buscam permanentemente ampliar os recursos especializados que possam oferecer atendimento de qualidade às pessoas com TEA em todas essas áreas.

Pela importância que esta necessidade tem para a qualidade de vida das pessoas com TEA e suas famílias, o projeto Olas de Inclusion  procura gerar um intercâmbio de boas práticas entre entidades europeias que promovam a inclusão social das pessoas com TEA na atuação de atividades culturais, de lazer e desportivas.

O objetivo é disseminar e compartilhar as boas práticas geradas e realizar ações de formação através da construção de uma rede transnacional mais ampla de entidades, profissionais, voluntários e famílias sensibilizadas e capacitadas para atender pessoas com TEA em igualdade de condições no campo do lazer, cultura e atividades desportivas.

O objetivo é disseminar e compartilhar as boas práticas geradas e realizar ações de formação através da construção de uma rede transnacional mais ampla de entidades, profissionais, voluntários e famílias sensibilizadas e capacitadas para atender pessoas com TEA em igualdade de condições no campo do lazer, cultura e desporto.

Através desta formação em estratégias que favoreçam a inclusão e que permitam o acesso de pessoas com TEA em igualdade de condições às atividades culturais, desportivas e de lazer, vai aumentar o número de pessoas com TEA que participam na inclusão em atividades deste tipo em entidades convencionais e / ou melhorará o seu nível de inclusão neles. Isso aumentará a consciência da sociedade em relação às pessoas com TEA nos ambientes de todas essas atividades.

Serão beneficiados com os resultados do projeto pessoas com TEA e seus familiares, voluntários, instituições, empresas e profissionais da área do lazer e da sociedade em geral.

Serão realizados três seminários transnacionais nos quais poderão participar todo o tipo de perfis, considerados pelas entidades parceiras: altos cargos da entidade, profissionais do sector do lazer, animadores juvenis, pessoas com TEA e voluntários de diversos países para que eles possam dar o seu ponto de vista a partir do seu papel no processo.

Será elaborado um guia de boas práticas sobre estratégias que facilitem a inclusão de pessoas com TEA em contextos de lazer, cultura e desporto. Este guia será elaborado com a síntese das principais boas práticas partilhadas entre o benchmarking entre as entidades parceiras e a rede de entidades locais.

Também será elaborado um roteiro de formação com diferentes módulos sobre diferentes aspetos do TEA, inclusão, qualidade de vida e estratégias que favoreçam o processo de inclusão nas áreas acima mencionadas. O acesso a esta formação estará aberto tanto aos materiais (produzidos em cinco línguas diferentes) como a todas as formações online que vierem a ser realizadas.

Cada entidade parceira do projeto irá gerar no seu país uma rede de entidades da área do lazer, cultura e desporto com interesse na atenção e inclusão das pessoas com TEA, as quais serão formadas com o itinerário formativo realizado e serão assessoradas no processo de adaptações.

As formações serão específicas de acordo com o público-alvo, diferenciando as formações para famílias, como parte importante do processo inclusivo, para voluntários que possam apoiar as entidades normativas neste processo e para entidades e profissionais do sector do lazer.

O impacto do nosso projeto será uma maior consciência social da importância da inclusão de pessoas com TEA nas atividades convencionais.

Por meio das ações de formação e dos conselhos que pretendemos, entidades mais normativas irão adequar as suas atividades para que as pessoas com TEA possam participar delas em igualdade de condições. Isso aumentaria o número de pessoas com TEA participando de atividades de inclusão e a oferta de opções de lazer em que pessoas com TEA podem participar com garantias de sucesso.

Este projeto seria o germe para continuar a promover e expandir esta rede de entidades e recursos de tempos livres aos quais as pessoas com TEA podem ter acesso a um amplo leque de opções de tempos livres como qualquer outra pessoa.

Objetivos

Gerar intercâmbio de boas práticas entre entidades europeias que promovam a inclusão social de pessoas com TEA na realização de atividades culturais, de lazer e desportivas.

• Divulgar, alargar e partilhar boas práticas de inclusão nos domínios do lazer, desporto e cultura e / ou de promoção de valores comuns, iniciados nomeadamente a nível local.

• Gerar uma rede transnacional de entidades, profissionais e voluntários formados para atender pessoas com TEA em igualdade de oportunidades.

• Aumentar o número de pessoas com TEA participando de atividades regulatórias e / ou melhorar seu nível de inclusão nelas

• Sensibilizar a sociedade para as pessoas com TEA nas cidades onde o projeto é desenvolvido.

Atividades

Três seminários transnacionais:

1. Goteborg (Setembro de 2021) Apresentação, grupos de trabalho e benchmarking. Acesso a eventos culturais em igualdade de condições

2. Espanha (Novembro 2021) Analisando o guia de Boas Práticas, treinamento e avaliação. Acesso a eventos desportivos em igualdade de condições

3. Itália (Maio de 2022) Reflexão: pontos fortes e fracos. Acesso a eventos de lazer em igualdade de condições

Parceiros

Autismo Sevilha https://www.autismosevilla.org

Margarita Sports e Vita (IT): http://www.msvbasket.it/home.html

Svenska Ungdom League (SW): https://www.facebook.com/people/Svenska-Ungdom-League/100013292681774

APPDA-Algarve https://appda-algarve.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.